A mais nova produção da Dharma Filmes

Sucesso absoluto!

Aclamada pelo público, a série de TV 
"A Escola dos Mistérios", produzida pela Dharma Filmes, foi filmada na Villa Hy Brasil , realizada em parceria com a Ancine/FSA/ BRDE/EBC e exibida no horário nobre pela TV Brasil, TVE Bahia, TV Minas e muitas outras emissoras.  Conheça mais no site oficial da série, hoje em cartaz no NETNOW e na plataforma LOOKE. Acesse: www.aescoladosmisterios.com.br
Imagem
Lorem Pixel

A Dharma Filmes & Vivências Cinematográficas é uma boutique de produção audiovisual sediada no coração da Chapada dos Veadeiros/GO, que busca contar histórias significativas que promovam transformação. Para isso, além de filmes e séries para TV e internet, nós promovemos vivências cinematográficas, aproximando as pessoas dos temas do bem que tratam nossas obras, ligados à ecologia, saúde e espiritualidade. 

O QUE FAZEMOS

Mairo Vergara
portifólio
“A Escola dos Mistérios”, 1a. Temporada – Série de realismo fantástico com 13 episódios de 13" cada. Público: Infanto-juvenil. Veiculação: até 200 emissoras de caráter cultural, educativo, universitário e comunitário que compõem pool de canais de TV do programa “Brasil de Todas as Telas”. Exibição: aos domingos, às 16h15, de 17/09 a 10/12 de 2017, na TV Brasil / Canal 2 . 

PRODUÇÕES ESTRANGEIRAS


“Tribes on the Edge” Parte I e II - Expedição Vale do Javari / Produtora brasileira parceira da equipe de Celine Cousteau, realizada pela Cause Centric Productions na em 2014 e em 2015.

“Survivor Tocantins: The Brazilian Highlands” – Produtora brasileira parceira do reality show da Mark Burnett / CBS. Febre nos Estados Unidos, “Survivor” é o maior fenômeno da história da tevê americana e exportada para mais de cem países mundo afora. Foram mais de USD 3 milhões de dólares investidos na região, gerando emprego e renda para mais de 200 pessoas nas comunidades onde o programa foi filmado, contratação de 185 fornecedores locais, além da exposição das belezas naturais do Jalapão para o mundo.

“Expedição Donnaventura” - Produtora nacional parceira do reality show italiano Donnaventura. O programa chegou em sua 20a edição e foi filmado em 10 estados brasileiros.

“Return to Amazon” – Produtora parceira da equipe a bordo do “Calypso” no Brasil para as gravações da nova expedição de Jean Michel Cousteau na Amazônia, realizada pela Ocean Futures Society para a PBS.

“Taboo” – National Geographic Channel / Produtora brasileira responsável pela recepção da equipe do Beyond Productions no Rio de Janeiro e Amazonas em 2006.

“The Great Outdoors” - Produtora parceira do programa australiano “The Great Outdoors”, exibido pelo Channel 7. Em 2005, o grupo fez um especial sobre o Brasil, visitando roteiros turísticos no Rio de Janeiro, Salvador, Fernando de Noronha, Pantanal e Lençóis Maranhenses.

“Reel Race” – Discovery Channel / Ana Cristina Costa e Silva foi a brasileira convidada para ser jurada do reality show internacional “Reel Race”, em episódio filmado Buenos Aires.

“Spiritism: Bridging Spirituality and Health” - Produtora brasileira parceira do documentário da diretora norte-americana Emma Bragdon sobre o curador “João de Deus”, de Abadiânia/GO.

“The Spanish Fly” ESPN International / Em 2004, foi produtora parceira de uma série de programas especiais no Xingu, apresentada pelo âncora José Wejebe.

CINEMA (PRINCIPAIS)

Produtora do curta-metragem 35mm “Metamorfose”, exibido em diversos festivais no Brasil e exterior – premiado 1o. Lugar do Júri Popular na 1a. Mostra “Curtas Livres” do Sesc & TV Câmara; “ET de Ouro” de Melhor Documentário no Festival de Cinema de Varginha; Melhor Som e Melhor Trilha Sonora no Catarina Festival de Documentários e Menção Honrosa no 6o. Festival de Cinema do Recife, com direção de Ana Cristina Costa e Silva.

Produtora do curta-metragem 35mm “Uma Questão de Tempo”, de Catarina Accioly e Gustavo Galvão, selecionado pelo Fundo de Arte e Cultura da Sec. Cultura do DF.

Produtora do curta-metragem 35mm “A Vida ao Lado”, de Gustavo Galvão, selecionado pelo Programa Petrobrás Cultural e ganhador do prêmio de melhor ator no 39o. Festival de Brasília.

Produtora Associada do telefilme 35mm “As Cavalhadas de Pirenópolis”, de Adolfo Lachtermacher, curta infanto-juvenil premiado pelo Prêmio Curta Criança - MinC/Rede Brasil.

MISSÃO

A Dharma é uma empresa com alma, que acredita no potencial infinito do ser humano. A expressão Dharma vem do sânscrito e significa "propósito de vida". Todos nós temos um Dharma, um dom singular ou um talento único para oferecer ao mundo. Nossa visão é de que nosso trabalho é uma oportunidade especial de exercitar nossas vocações e servir à Humanidade, realizando nosso destino espiritual e nossa contribuição universal.

VISÃO

Nosso lema é: “mais que independentes, filmes livres!”. Buscamos produzir obras que criem diálogos, reflexão, atitude e transformação, ampliando horizontes e expandindo a consciência; promovendo o desenvolvimento criativo da equipe e a interatividade real com o público.

Obras Transmídias - Nossos projetos são concebidos com um design thinking visando a criação de elementos que se complementem em uma estratégia transmídia que aproxime o público dos criadores e artistas; com plataformas virtuais de conhecimento e experiências presenciais aqui na Villa Hy Brasil, sede dos estúdios e parque cenográfico da Dharma Filmes.

Turismo Cinematográfico - Sendo especialista no setor de turismo cinematográfico, com a publicação de seis livros em parceria com o governo federal que sedimentaram os pilares de políticas públicas para o setor, a Dharma Filmes desenvolve agora seu próprio produto de TC - em breve divulgado na imprensa.

Educação Midiática - Nossos projetos buscam empoderar jovens sobre o funcionamento da mídia, auxiliando no discernimento de conteúdo de qualidade. Em 2016, celebramos um acordo de cooperação técnica com uma escola privada local para a realização da 1a. Temporada da série de TV “A Escola dos Mistérios”. Estamos desenvolvendo um projeto junto ao governo estadual e municipal para integrar a educação midiática no currículo escolar das escolas da região dentro dos 17 ODS da ONU em Alto Paraíso/GO, cidade-modelo no estado de Goiás.

Imersões Criativas - Trabalhamos com imersões criativas unindo chefes de departamentos para dialogarem transversalmente e antever questões multidisciplinares que envolvem a parte artística, técnica, de comunicação, produção e direção, subsidiando o desenho de produção das obras, cronogramas físico-financeiro e fechamento das Bíblias de Projeto.

Mão-de-obra Local - Sempre temperamos a produção das nossas obras com profissionais de outras cidades / capitais com a mão-de-obra regional, prestigiando talentos locais, formando novos profissionais no mercado ou atualizando profissionais sobre as novas tecnologias do mercado.

CONHEÇA A 
VILLA HY BRASIL

Para conhecer mais sobre a nossa capacidade receptiva, estrutura interna das nossas casas e nosso parque cenográfico, clique no botão ao lado!

"A Hy Brasil é o hotspot perfeito para quem quer filmar num lugar paradisíaco no coração do Brasil, centralizado em meio à locações naturais de tirar o fôlego! Já está em construção um prédio que vai concentrar todas as necessidades de um produtor. Lá é possível montar sua base de produção, construir cenários, hospedar equipe e elenco, organizar o esquema de catering, num local que privilegia a segurança e a privacidade. Além disso, os anfitriões são profissionais do audiovisual e conhecem tudo do lugar, entendendo as demandas técnicas do nosso mercado e podendo auxiliar desde a etapa de location scouting, enviando fotos e passando informações de logística e valores. A sócia Ana Cristina, tem larga experiência no receptivo de grandes produções internacionais e pode ser uma parceira estratégica no momento de prospectar projetos que tenham a característica de serem filmados no Cerrado. Super recomendo!""

João Roni, Produtor - Ocean Films, Maio 2017

"Filmar na Hy Brasil foi uma experiência muito legal mesmo, totalmente diferente de outros sets que já participei. Em primeiro lugar pela questão prática de se filmar no mesmo lugar onde a equipe está hospedada. Isso nos economizou um tempo precioso de locomoção e resultou em mais tempo livre para toda a equipe, mais sorrisos e menos conflitos, com direito a caminhadas matutinas naquele ambiente bucólico e pela noite uma rodinha de violão na fogueira para descansar e contemplar o céu estrelado, um dos cartões postais da chapada. As casas atenderam confortavelmente toda nossa equipe de 25 pessoas, sem falar no café da manhã e na comida caseira deliciosa produzida lá. E tem também esse diferencial de estar bem no meio da chapada, com sua natureza, cachoeiras e a visita frequente de tucanos e araras, o que ajuda muito a recarregar nossas baterias de um dia ao outro. No final de um mês de filmagem, era evidente o reflexo desse ambiente nas próprias relações de amizade construídas entre as pessoas, o que certamente influenciou muito positivamente no resultado final."

Gui Campos, Diretor - Lumiô Filmes, Julho 2016

CURTA E RECOMENDE!